0x 1x
Às Vezes Ganhas, Às Vezes Aprendes

Às Vezes Ganhas, Às Vezes Aprendes

JOHN C. MAXWELL - Prefácio de João Cordeiro

John C. Maxwell acredita que qualquer revés, seja profifissional ou pessoal, pode ser transformado em crescimento tendo as ferramentas certas para tornar as perdas em ganhos. Com mais de 50 anos de experiência, John oferece um mapa para o sucesso examinando os onze elementos que constituem o ADN para quem supera problemas, fracassos e perdas.

13€

John C. Maxwell acredita que qualquer revés, seja profissional ou pessoal, pode ser transformado em crescimento tendo as ferramentas certas para tornar as perdas em ganhos. Com base em cerca de 50 anos de experiência em liderança, o Dr. Maxwell oferece um mapa para o sucesso examinando os onze elementos que constituem o ADN para quem supera problemas, fracassos e perdas.

HUMILDADE: o espírito da aprendizagem;

REALIDADE: o fundamento da aprendizagem;

RESPONSABILIDADE: o primeiro passo da aprendizagem;

MELHORIA: o foco da aprendizagem;

ESPERANÇA: a motivação da aprendizagem;

SER ENSINÁVEL: o caminho da aprendizagem;

ADVERSIDADE: o catalisador da aprendizagem;

PROBLEMAS: oportunidades de aprendizagem;

MÁS EXPERIÊNCIAS: a perspetiva para a aprendizagem;

MUDANÇA: o preço da aprendizagem;

MATURIDADE: o valor da aprendizagem.

 

PREFÁCIO DE JOÃO CORDEIRO

"Acredito que as minhas maiores perdas são os meus maiores aliados – as minhas maiores oportunidades de aprendizagem. Mas nem sempre foi assim... 
Se falhaste muitas vezes no teu percurso de vida, falhas essas que te originaram perdas, orgulha-te disso! Tens um activo colossal para explorar e para te tornares numa pessoa muito melhor. Se ainda não te consegues olhar desta forma catalisando as tuas perdas em ganhos, este livro dar-te-á uma nova e refrescada perspectiva sobre a vida. É um passo-a-passo de como o podes fazer, pela mão de alguém que considero um dos expoentes máximos da liderança no Mundo.

Costumamos olhar para os nossos erros, falhas e perdas como algo negativo, pois carregam um conjunto de sentimentos, emoções e pensamentos com os quais não estamos habituados a conviver, nem treinados para lidar. Tipicamente fomos e somos educados para rejeitar ou ignorar este tipo de sentimentos. Entre eles, a incompetência, a frustração, o desapontamento, a desilusão, o desgosto, a exclusão e a própria autoexclusão, o medo. De uma forma geral: a dor. 
Em tenra idade, somos de alguma forma penalizados e criticados pelas vezes que falhamos ou perdemos. Este tipo de atitude vai-nos criando uma desconexão e défice de familiaridade com a falha e com tudo o que a envolve. Principalmente com a tentativa, com a experimentação. Se deixamos de tentar deixamos de aprender. À medida que vamos envelhecendo, preservando uma atitude de receio de perder – alimentada pela nossa própria mente viciada, incentivada pelo nosso meio envolvente – o fosso entre quem verdadeiramente somos e quem gostaríamos de ser, aumenta drasticamente. Isso faz-nos entrar numa espiral descendente, através da qual cada vez mais nos afastamos de nós próprios, da nossa essência, do nosso centro.
Já pensaste que, na vida, perdes mais vezes do que aquelas que és bem sucedido(a)? 

Então porque não treinar e estar preparado para falhar e perder, trabalhando a nossa consciência e a intencionalidade para aprendizagem? Porque escolher a autocomiseração e autojulgamento depreciativo quando temos outra opção? A dor está em todo lado. Por muito que fujamos ela vai sempre encontrar-nos. Além de que, algo absolutamente determinante  –  para crescer, tem que doer. Se escolhermos fugir da dor, escolhemos fugir da nossa própria evolução. E não confundamos dor com sofrimento. A dor é inevitável, o sofrimento é opcional.
O autor Wayne Dyer disse-o de forma eximia: “Quando mudas a forma como olhas para as coisas, as coisas para que olhas, mudam.” Tudo é de facto uma questão de perspectiva. E quando conseguires trocar de perspectiva – posso garantir-te – a tua vida vai mudar radicalmente. Vais perceber o quão afortunado(a) és, por todas as vezes que falhaste e perdeste. Podes transformar tudo isso em algo muito poderoso. A mim aconteceu-me e, por isso, além da teoria, acredito mesmo que algo semelhante te pode acontecer.

Há muitos anos que admiro o John. Não só pelo seu trajecto, mas pelas suas mensagens carregadas de simbolismo e pertinência. Pela sua vida de dedicação aos outros, pelo que ensina com enorme espírito de humildade, pela semente da esperança que deixa em cada um de nós. John C. Maxwell não é um mero pregador. Não é um simples autor. Não é um comum formador, comunicador ou mentor. É alguém que vive cada palavra que sai da sua boca. É absolutamente notável que alguém com uma carreira de mais de 50 anos, que já fez mais de 12.000 palestras para mais de 6 milhões de pessoas e que escreveu dezenas de livros, continue a manter uma postura de eterno aprendiz. “Alguém que eu adoraria conhecer e com quem aprender” – disse um dia a mim próprio. E foi isso que decidi fazer em 2018. Participei numa das suas certificações internacionais em liderança e comunicação, tendo-me tornado orgulhosamente o primeiro português a fazê-lo, integrando desde então a John Maxwell Team™®. É com imensa satisfação e sentido de responsabilidade que uso muitos dos seus conteúdos e ferramentas, quer no meu quotidiano, quer nos programas com os meus clientes, sempre com um grande objectivo em mente: tornar-me uma pessoa melhor a cada dia que passa e fazer com que os outros à minha volta o possam fazer também.

Ao seu belo e característico estilo informal, prático e próximo de leitor, John traz-nos em “Às Vezes Ganhas, Às Vezes Aprendes”:
- Perspectiva;
- Esperança;
- Estórias e exemplos reais de como fazer;
- Técnicas e dicas para desenvolver resiliência;
- Um processo para mantermos o espírito de aprendiz;
- A diferença nos padrões de pensamento e de acção das pessoas que aprendem com as suas perdas e das que não o fazem;

E muitas outras lições que estou seguro que irás retirar deste livro.

Hoje o meu mote pessoal é: “Não há dias maus, há dias construtores de carácter.”
Espero que os ensinamentos deste livro te ajudem, tal como têm ajudado tantas pessoas por esse Mundo fora. E o Mundo precisa de pessoas com mais carácter. O Mundo precisa de ti!

Inspiradamente."

--- --- --- 

SOBRE O AUTOR

John C. Maxwell é um autor best-seller que escreve para publicações como o New York Times, o Wall Street Journal e a Business Week, e já vendeu mais de vinte e quatro milhões de livros. Fundou, ainda, a EQUIP e a John Maxwell Company, organizações que ajudaram a formar mais de cinco milhões de líderes por todo o mundo. Todos os anos, John C. Maxwell discursa perante líderes de várias organizações, como empresas que integram a lista Fortune 500, governos estrangeiros, NFL, a United States Military Academy, em West Point, e as Nações Unidas. Poderá acompanhá-lo através do seu blogue em JohnMaxwellOnLeadership.com e segui-lo no Twitter em Twitter.com/JohnCMaxwell.

-- -- -- 

João Cordeiro integra desde Fevereiro de 2018 a John Maxwell Team, uma equipa internacional de liderada por John C. Maxwell.

Webdesign Megasites